Competição entre vendedor e comprador estabiliza preço do algodão

Já na parcial de janeiro, o Indicador registra queda de 3,9%, devido à pressão exercida por compradores no início do mês

Blog Rural - Nilo Rural


O mercado de algodão em pluma segue registrando acirrada “queda de braço” entre vendedores e compradores. Esse cenário, por sua vez, acabou estabilizando os preços da pluma no mercado spot – o Indicador CEPEA/ESALQ tem sido fechado a R$ 2,94 desde a terça-feira passada, 15. Entre 15 e 22 de janeiro, o Indicador do algodão em pluma CEPEA/ESALQ, com pagamento em 8 dias, permaneceu praticamente estável (+0.1%), fechando a R$ 2,9467/lp no dia 22.


Já na parcial de janeiro, o Indicador registra queda de 3,9%, devido à pressão exercida por compradores no início do mês. Segundo colaboradores do Cepea, as disparidades de preços e de qualidade têm limitado os fechamentos no mercado spot. Comerciantes estão em busca de pluma para atender a contratos e também para fechar negócios “casados”.


No entanto, colaboradores do Cepea alegam que boa parte da pluma disponível apresenta cor e/ou características (como micronaire, fibra e resistência), além da heterogeneidade nos lotes. Tradings, atentas às altas nos preços externos, estão firmes nos valores pedidos. Parte dos produtores, por sua vez, está voltada às atividades de campo e à entrega de contratos para os mercados interno e externo.

Veja Mais
Siga "VITRINE MAIS"
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Google Places Social Icon