Abate de suínos e produção de ovos são recordes no 3º trimestre


O abate de suínos no país somou 10,57 milhões de cabeças no terceiro trimestre deste ano: o maior desde 1997, conforme informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nesta quinta-feira (15). O aumento em relação ao trimestre anterior foi de 1,1% e sobre o mesmo período de 2015, de 3,8%. Entre as regiões, Santa Catarina continua liderando o abate de suínos, seguido por Rio Grande do Sul e Paraná.A produção de ovos chegou a 778,82 milhões de dúzias e também foi a maior da série histórica do indicador, iniciada em 1987. Esse número foi 2,4% maior que o registrado no trimestre imediatamente anterior e 3,6% acima do terceiro trimestre de 2015. No ranking das regiões, São Paulo continua liderando a produção de ovos, seguido por Minas Gerais e Paraná.Por outro lado, o abate de bovinos chegou a 7,32 milhões de cabeças, um recuo de 4,1% em relação ao trimestre anterior, e o de frangos atingiu 1,47 milhões de cabeças, uma queda de 1,5%.

Veja Mais