Professor assassinado em Unaí


Wellington Henrique Gonçalves tinha 26 anos, era bastante conhecido em Unaí por ser professor de Zumba. Wellington perdeu sua vida na madrugada do último dia 20 de novembro, poucos minutos antes de entrar em sua própria casa. No dia do crime, uma viatura da Polícia Militar foi acionada, ao chegar ao local do crime os próprios policias prestaram socorro à vitima que chegou,ainda com vida, ao hospital municipal de Unaí, mas Wellington não resistiu aos ferimentos e morreu.

Em resposta à sociedade, em apenas 48 horas após o crime, a Polícia Civil de Unaí efetuou a prisão do autor. “Mais uma vez, em menos de 48 horas, a Polícia Civil de Unaí resolveu, em tempo recorde, mais um homicídio em Unaí. A prisão de Leonardo se deu graças à competência e ao trabalho dos nossos policiais civis de Unaí. Os dois eram usuários de entorpecentes e haviam adquirido uma dívida de R$400,00 reais de cocaína para dividir entre eles, porém, a vítima não pagou ao investigado o valor de R$200,00. Leonardo passou a cobrar insistentemente e, na madrugada dos fatos, encontrou com a vítima, quando eles se desentenderam. O investigado voltou em sua residência, pegou uma faca e, em caráter premeditado, Leonardo voltou e desferiu uma facada no pescoço do Wellington. A partir do crime, os nossos investigadores descobriram o algoz em um assentamento na zona rural de Unaí, onde realizaram a prisão do principal suspeito. Após ser ouvido, o Leonardo narrou esses fatos sobre o crime”, esclareceu Dr. Marcos Tadeu - Chefe do 16º Departamento de Polícia Civil de Unaí.

Dr. Marcos informou, ainda, que o autor está à disposição da justiça e, se condenado, poderá pegar uma pena de 12 a 20 anos de reclusão.

Veja Mais
Siga "VITRINE MAIS"
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Google Places Social Icon